Free songs

FORGOT YOUR DETAILS?

Business Intelligence Incorporado ao ITAM

As despesas com ativos de hardware e software representam, em média, cerca de 25% do total de gastos com TI. Se acrescentarmos a isso outros gastos de natureza recorrente (tais como suporte, manutenção e gestão), chegaremos à conclusão de que o custo total de propriedade (TCO) dos ativos de TI deve ser, de fato, uma prioridade na agenda dos CIOs / CFOs.

Obter o controle sobre o custo total de propriedade, exige das organizações a adoção de um processo voltado à gestão do ciclo de vida dos ativos de TI. Desta forma, torna-se possível eliminar eventuais desperdícios ou redundâncias e assegurar a conformidade com determinado padrões de licenciamento de uso e segurança (compliance); entre outros.

O gerenciamento eficaz do ciclo de vida dos ativos de TI começa por saber aquilo que se tem. Conhecer o número de estações de trabalho de cada tipo, sua localização, e entender como estão sendo utilizadas, em termos de hardware e software, é fundamental. Na ausência de informações precisas, as decisões sobre eventuais aquisições, atualizações, realocações e/ou remoções de ativos tornam-se vulneráveis.

A capacidade de implantar, atualizar e gerenciar, de forma eficiente, os componentes de hardware e software, em uma organização, é uma parte crítica do processo cotidiano relativo ao gerenciamento do ciclo de vida dos ativos de TI. Quando um novo ativo está sendo adquirido ou a realocação de um ativo existente é programada, as organizações, normalmente, precisam provisionar recursos, recriar ou migrar o ambiente operacional das estações de trabalho, aplicar patches de segurança ou atualizações de versões de software (service packs / releases), carregar dados de aplicações e/ou aplicar configurações pessoais do usuário. Muitas vezes, estes procedimentos não fazem parte um processo automatizado e consomem várias horas ou, até mesmo, dias de trabalho da equipe de infraestrutura de TI.

Uma abordagem automatizada reduz custos, minimizando a participação direta / deslocamento de técnicos, diminuindo o número e a complexidade das imagens, e automatizando a instalação dos sistemas operacionais, das aplicações, dos patches de segurança e dos dados dos usuários finais.

Recursos | Documentos

Whitepaper
Reposicionando o ITAM
Use Case
Desafios e Soluções para Executivos de TI
Use Case
Desafios e Soluções para Gestores de Ativos
ITAM

Recursos | Multimídia

Racionalização de Software
VMs e Bancos de Dados?
ITAM
TOP